Marcelo Mimoso: Um “parioca” nascido no sertãozinho da Gávea

Marcelo Mimoso Marcus Lucenna

Marcelo Mimoso

Ele nasceu no Hospital Miguel Couto, na Gávea, e foi criado na Barra da Tijuca. Mas apesar da sua carteira de identidade registrar o Rio de Janeiro como cidade natal, Marcelo Mimoso não se considera um carioca. “Eu sou ‘parioca'”, brinca o músico, de 37 anos, um dos grandes nomes da cena forrozeira contemporânea que assina participação especial no 15º álbum de Marcus Lucenna.

Continuar lendo

Chambinho do Acordeon é a “participação internacional” no álbum de Marcus Lucenna

Chambinho do Acordeon grava canções com Marcus Lucenna

Divulgação Chambinho do Acordeon

Ele tem levado o forró para além das fronteiras internacionais. Já fez shows na Europa, América do Norte, Ásia e, recentemente, cumpriu turnê pela Austrália. Sua voz, que tem encantado brasileiros e gringos, pode ser ouvida no álbum “Marcus Lucenna na Corte do Rei Luiz”, mais novo trabalho de Marcus Lucenna. Trata-se de Nivaldo Expedido de Carvalho, o Chambinho do Acordeon.  Continuar lendo

Marcus Lucenna e grandes nomes do forró nacional homenageiam a Feira de São Cristovão

No mês em que comemora aniversário – 73 anos de fundação e 15 anos dentro do Pavilhão de São Cristóvão –, o Centro Municipal Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas do Rio acaba de ganhar uma homenagem musical feita por importantes nomes da cena forrozeira nacional.

Composta pelo poeta-cantador Marcus Lucenna, ex-gestor do local, a música “Hino da Feira de São Cristóvão (Vida retirêra)” foi gravada por ele com as participações de Adelson Viana (considerado sucessor de Dominguinhos), Marcelo Mimoso (que interpretou Luiz Gonzaga no teatro), Chambinho do Acordeon (que viveu o Rei do Baião no cinema), Neidinha Rocha (da Orquestra Sanfônica do Rio) e Jadiel Guerra (coordenador do Fórum Forró de Raiz RJ).

Continuar lendo